September 25th, 2002 | | No Comments »

Saudade.

Saudade de alguém que eu não tive muita oportunidade de curtir. Agora estou longe. Este mundo é muito doido, mesmo.

Tinha pensado nessas coisas há pouco tempo. O que eu não gosto de morar aqui é que eu não vejo as mudanças. Eu sei que minha família está bem, mas dá uma dorzinha por dentro saber que o mundo não pára por minha causa (ê, megalomania) e que as coisas continuam mudando sem a minha presença. Um dia eu vou voltar e vai estar tudo diferente…

É isso que acontece também com os amigos.

Mudar dói.

Saudade. Saudade.

Related Posts



Leave a Reply