December 25th, 2003 | | No Comments »

16? Eu disse 16 pessoas? Risca aí e põe 18. Gastón, eu, Amarildo e seu amigo Igor, Pablo, Oscar y Andrea, Enrique, Ludmila e Tullio, Fabiana e seus amigos Graça e Nico, Angelo e sua mãe Marina, Phil com seus amigos Ricardo e Wayne. Pode contar, estão todos aí.
Eu fiz o presunto e ficou igualzinho ao da minha mãe. Quatro quilos e meio de presunto com mel e mostarda, os pêssegos em calda em volta. Também tinha nozes, pistache, damasco e amêndoas pra beliscar. Os convidados trouxeram arroz, salada de batata, empanadas, frango de padaria, sorvete. O Gastón fez cheesecake. Pra beber, suco de laranja, vinhos, caipirinha. Também tomamos café e mate no final. Os pratos e talheres eram de verdade, os copos também, só usamos um ou outro descartável. A sala estava arrumada e tinha lugar pra todo mundo sentar (mérito do Gastón).
Minha barriga estava razoável no começo, absurda no final da festa.
Foi nosso segundo Natal recebendo gente (o primeiro foi um fondue que fizemos com o Caetano e a Patricinha em 2000). Gostei, quem sabe repetimos a dose…
Valeram a pena as ligações pro Brasil de meia em meia hora pra perguntar cada detalhe pra minha mãe. E obrigada pelo apoio, principalmente a quem disse que eu sou ninja!!!

O presunto, antes de trocar de travessa. Fotos tiradas com o Palm.



Leave a Reply