April 16th, 2002 | | No Comments »

Ultimamente a mídia tem discutido incessantemente a questão da adoção por casais homossexuais. O assunto ficou em evidência depois que o estado da Flórida resolveu proibir isso e a Rosie O’Donnel resolveu se pronunciar publicamente sobre sua orientação sexual. Ela tem três crianças adotadas. Eu fico passada. Pra mim não tem nem o que discutir, caramba!

Hoje vi um talk-show onde o sujeito da “Associação da Família de Michigan”, obviamente contra esse tipo de adoção, falou que a lei tem que ser ainda mais restritiva, pois “o lar ideal para uma criança é composto por um pai e uma mãe, casados”. Atualmente uma mulher solteira, por exemplo, pode adotar uma criança, mas não se tiver um namorado. E se ela adotar a criança e o namorado for viver com ela, eles suspendem a guarda da criança.

Então tá. Quem aí é heterossexual, casado, e está a fim de adotar uma ou mais crianças sem ligar pra raça, idade ou estado de saúde levanta a mão.



Leave a Reply