January 1st, 2004 | | No Comments »

FÉ CEGA, FACA AMOLADA

(Milton Nascimento- Ronaldo Bastos)

Agora não pergunto mais aonde vai a estrada

Agora não espero mais aquela madrugada

Vai ser, vai ser, vai ter de ser, vai ser

Faca amolada

O brilho cego de paixão e fé,

Faca amolada

Deixar a sua luz brilhar e ser muito tranqüilo

Deixar o seu amor crescer e ser muito tranqüilo

Brilhar, brilhar, acontecer, brilhar

Faca amolada

Irmão, irmã, irmã, irmão de fé

Faca amolada

Plantar o trigo e refazer o pão de cada dia

Beber o vinho e renascer a luz de todo dia

A fé, a fé, paixão e fé, a fé,

Faca amolada

Deixar a sua luz brilhar no pão de todo dia

Deixar o seu amor crescer na luz de todo dia

Vai ser, vai ser, vai ter de ser, vai ser

Muito tranqüilo

O brilho cego de paixão e fé

Faca amolada.

Related Posts



Leave a Reply